Produtos

Regulador de Tensão MFC-300/R


MFC-300/R
MFC-300/R
MFC-300/R
MFC-300/R
MFC-300/R
MFC-300/R
O Relé Regulador MFC-300/R foi desenvolvido pela Licht para controle automático de transformadores de potência com comutadores de derivações em carga. Com o objetivo de regular a tensão no consumidor, o comutador recebe comandos "subir" e "descer" do regulador MFC-300/R, alterando a tensão no secundário do transformador. Para tanto, o MFC-300/R amostra valores de tensão e corrente na fase ou entre fases. Valores programados de resistência e reatância de linha permitem que sejam estimada a tensão na carga. O relé regulador atua no comutador de forma a manter a tensão na carga dentro de um intervalo programado, e atua proteções em situações de sobrecorrente, sobretensão e subtensão.

Para máxima flexibilidade às possíveis condições de serviço, o regulador MFC-300/R é altamente configurável. Até 8 ajustes de regulação podem guardados, cada um associado a uma faixa horária, de forma a ajustar o regime de operação às condições de pico ou baixa carga do sistema.

Entre os recursos configuráveis, destacamos: tipo de temporização (linear e inversa ao desvio), compensação de queda de linha, relés para bloqueio, saídas analógicas, monitoração de linha (tensão, corrente, potência ativa, reativa e aparente, fator de potência), defasagem tensão-corrente, bloqueio por subcorrente, bloqueio por sobre/subtensão e opções para protocolos de comunicação MODBUS, DNP3 ou IEC61850.
Documentação
Características Elétricas, Ambientais e Alojamento
  • Alimentação auxiliar universal 80-265V
  • Isolação galvânica total
  • Versões 96x48 mm, 96x96 mm e caixa de montagem rápida
  • Instalação em painel
  • Operação em até 70 °C
Características Técnicas
Entradas
VAC: 0-300V, IAC: 0-5A.

Erro/Não-linearidade
0.5% + 0.1% / 10 °C F.E.

Opções de Interfaces
RS485, optoisolada (≥ 1.5 kV, 60 Hz, 1 min.), protocolo MODBUS ou DNP3.
Ethernet, acoplada magneticamente (≥ 1.5 kV, 60 Hz, 1 min.) para o protocolo IEC61850.

Saídas Analógicas
Loop de corrente configurável por software para 0-1, 0-5, 0-10, 0-20 e 4-20 mA. Saídas isoladas (≥ 1.5 kV, 60 Hz, 1 min.).

Relés
2 relés para comando de comutador (sobe, desce), 3 relés para alarme (subtensão, sobretensão e sobrecorrente). Contatos com capacidade de chaveamento de 5A x 250 Vca ou 0.5A x 125 Vcc. Isolação galvânica ≥ 1.5 kV (60 Hz, 1 min.).

Display
2 linhas de 16 caracteres, tipo LCD para alta temperaturas com backlight.
Parâmetros Configuráveis por Software
O MFC-300/P foi desenvolvido visando proporcionar ao usuário do produto a maior versatilidade possível, de forma que toda a supervisão e configuração do sistema possa ser executada no próprio aparelho ou à distância pelos canais de comunicação existentes.

Dos parâmetros configuráveis por software, destacamos os seguintes:

Conjunto de Regulação (1 a 8)
Seleciona o conjunto de parâmetros a ser configurado. Um conjunto de regulação é formado pelos ajustes do Menu Regulação, associados a uma faixa de horários do dia.

Tensão Nominal (80 a 140V)
Valor de tensão desejado para a carga, com referência ao secundário do TP de amostragem. Ignorando a queda na linha, a tensão real na carga será aquela no primário do TP.

Desvio Máximo (0 a 10%)
Variação percentual entre a tensão medida e a tensão nominal, acima da qual o MFC-300/R inicia a temporização para comando do comutador.

Tipo de Temporização (Constante, Inversa)
A função do temporizador é reduzir a influência de variações de tensão com pequena duração, evitando comutações desnecessárias. O MFC-300/R implementa dois métodos de temporização:
  • Constante, onde o tempo entre a detecção de um desvio maior que o configurado e a comutação é fixo, dado pelos parametros Tempo para Subir e Tempo para Descer.
  • Inversa, onde o tempo até a comutação é inversamente proporcional ao desvio da tensão em relação ao seu valor nominal. Ou seja, o controle é mais rápido para variações maiores.
Tempo para Subir (0 a 180 s)
Tempo entre a detecção de um desvio maior que o configurado e o primeiro comando "subir".

Tempo para Descer (0 a 180 s)
Tempo entre a detecção de um desvio maior que o configurado e o primeiro comando "descer".

Tempo de Repetição (0 a 30 s)
Intervalo de tempo entre comandos "subir" e "descer", caso a condição de desvio permaneça após uma comutação.

Tipo de LDC (RX, Z)
Define o tipo de compensação de queda de linha (line drop compensation -- LDC). Quando corretamente configurado, o compensador de queda de linha estima a tensão na carga, tal que a regulação é tratada do ponto de vista do consumidor e não da saída do transformador. Tradicionalmente são usados dois métodos de compensação:
  • RX: estima a queda de tensão na linha através de seu modelo equivalente série, composto de um valor de resistência e reatância. Exige programação dos parâmetros Ur e Ux. Ignora o parâmetro Compensação Z.
  • Z : método simplificado em que apenas é fornecida a porcentagem de queda de tensão na linha. Como o fator de potência da carga não é considerado, a compensação tem precisão pior que a obtida pelo método RX. No entanto, o método é adeqüado quando a queda na linha é relativamente pequena. Exige programação do parâmetro Compensação Z. Ignora os parâmetros Ur e Ux.
Ur (-25V a 25V)
Componente resistiva da queda de linha, em Volts, ajustada à corrente nominal do MFC-300/R (5A).

Ux (-25V a 25V)
Componente indutiva da queda de linha, em Volts, ajustada à corrente nominal do MFC-300/R (5A).

Compensação Z (0 a 15%)
Queda de linha total, em percentual da tensão de saída do transformador, ajustada à corrente nominal do MFC-300/R (5A).

Compensação Máxima (0 a 25%)
Limita o aumento de tensão do transformador devido ao LDC.

Defasagem Tensão/Corrente (0 a 359°)
Define a defasagem entre os sinais de tensão e corrente na configuração de instalação do MFC-300/R.

Circuito de Medição (Monofásico, Trifásico (Fase-Neutro), Trifásico (Fase-Fase))
Define o tipo de conexão do TP para que as potências (ativa, reativa, aparente) sejam calculadas correntamente.

U< (subtensão) (10 a 99% da tensão nominal)
Valor para o qual o MFC-300/R atua um relé de alarme e bloqueia comutações.

U> (sobretensão) (101 a 199% da tensão nominal)
Valor para o qual o MFC-300/R atua um relé de alarme e bloqueia comutações.

I> (sobrecorrente) (10 a 199% da corrente nominal)
Valor para o qual o MFC-300/R atua um relé de alarme e bloqueia comutações.

Comunicação
Todas as funções acessíveis através do teclado do aparelho estão disponíveis à distância através dos protocolos MODBUS, DNP3 ou IEC61850. Assim, é possível remotamente:
  • Ler tensões e correntes amostradas.
  • Ler os parâmetros programados.
  • Reprogramar total ou parcialmente o aparelho.
  • Ler valores de tensão e corrente de linha, tensão na carga, potências ativa, reativa, aparente, fator de potência, desvio de tensão.